ACAERT e emissoras associadas promovem ação contra a fake news no “dia da mentira”

(01/04) Mobilização destaca a importância do rádio e televisão como fontes seguras de informação

A ACAERT e suas emissoras de rádio promovem nesta quarta-feira, dia 1º de abril, conhecido como o dia da mentira, ação que destaca a relevância do rádio e da televisão no combate às fake news. Em ação conjunta, a entidade e as associadas estão veiculando um texto que destaca o trabalho dos veículos de comunicação em checar as notícias. Além disso, a ACAERT preparou um card, que está sendo veiculado no site e nas redes sociais da entidade e das emissoras. As peças têm como base a campanha oficial da ACAERT contra as notícias falsas que tem como tema: Não pague o pato, confie em que apura o fato.

Texto:

Verdade seja dita, as chamadas "fake news" viraram uma epidemia nos tempos atuais. Em tempos de coronavírus, fake news mata. E só há um jeito de combatê-las: com a verdade. Por isso, procure sempre checar a informação que você recebe. Desconfiou, não compartilhe. Procure se a notícia foi publicada nas emissoras de rádio e TV que você confia. As informações divulgadas por esses meios são checadas e certificadas por profissionais. A ACAERT e nós da Rádio __, aproveitamos o primeiro de abril para reafirmar que precisamos menos de "dias da mentira" e mais de "dias da verdade", todos os dias, o tempo todo. Não Pague o Pato. Confie em quem apura o Fato: o Rádio e a TV.

Texto do card:

Verdade seja dita, as chamadas "fake news" viraram uma epidemia nos tempos atuais. Em tempos de coronavírus, fake news mata. E só há um jeito de combatê-las: com a verdade. Por isso, procure sempre checar a informação que você recebe. Desconfiou, não compartilhe. Procure se a notícia foi publicada nas emissoras de rádio e TV que você confia. As informações divulgadas por esses meios são checadas e certificadas por profissionais. A ACAERT aproveita o primeiro de abril para reafirmar que precisamos menos de "dias da mentira" e mais de "dias da verdade", todos os dias, o tempo todo. Não Pague o Pato. Confie em quem apura o Fato: o Rádio e a TV.

Fonte: Assessoria de Imprensa ACAERT