ACAERT e Prefeitura de Florianópolis lançam Jeito Catarinense nas escolas da Rede Municipal

(22/05) Campanha mobilizará 9 mil crianças de 36 escolas municipais da capital

Jeito - Floripa

A Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão – ACAERT e a Prefeitura de Florianópolis lançaram nesta quarta-feira (22), na escola EBM Dilma Lúcia dos Santos (Armação do Pântano do Sul) a campanha “Jeito Catarinense”. O objetivo da iniciativa é motivar a sociedade a tomar atitudes que visem o bem coletivo no seu dia a dia, estimulando ações positivas e desencorajando ações negativas.

No lançamento, presenças do prefeito Gean Loureiro, secretário da Educação, Maurício Pereira e do presidente da ACAERT, Marcello Corrêa Petrelli. Participação especial dos jornalistas Edsoul (NSC) e Polito (RIC), além do palhaço Colorim e do Fakelino, mascote da campanha contra fake news da ACAERT.

A ACAERT distribuiu 9 mil cartões e 400 cartilhas para as 36 escolas da Rede de Ensino da capital. O cartão tem um lado verde e o outro é vermelho. Cartão verde para a reciclagem dos resíduos, respeito a faixa de pedestre. Gentileza gera gentileza. Cartão vermelho para o fura fila, quem joga lixo no chão e desrespeita os mais velhos. A cartilha, que teve a supervisão pedagógica da Secretaria de Estado da Educação, é dividida em quatro capítulos: O jeito correto de tratar as pessoas, a natureza, de andar no trânsito e de cuidar da saúde.

A primeira temporada do “Jeito Catarinense” teve início em abril do ano passado, e já mobilizou crianças de 8 a 12 anos em todo o estado. A prioridade da campanha lançada hoje é a parceria com as redes municipais de ensino e com a Polícia Militar (PM), que utiliza a cartilha nas aulas do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência, o PROERD.

O prefeito Gean Loureiro afirma que a parceria entre a ACAERT e a Prefeitura de Florianópolis foi certeira e complementa: “precisamos de todo mundo para cuidar da cidade. As crianças são fundamentais nesta tarefa”.

Marcello Corrêa Petrelli, presidente da ACAERT, explica que o “Jeito Catarinense visa reforçar o resgate de preceitos básicos da cidadania que são ensinados pela família e trabalhados na escola. Os cartões são uma forma leve de incentivar ou repreender um cidadão, provocando certo ‘constrangimento’ para aqueles que fazem algo errado”, disse. “Estamos muito satisfeitos com o projeto deste ano, pois órgãos públicos, a PM e a imprensa estão engajados para um bom resultado. Um dos intuitos da ACAERT é o envolvimento em projetos visando o desenvolvimento social dos catarinenses”.

Para o secretário da Educação Maurício Fernandes Pereira, “esse trabalho é um processo lúdico e eficaz de conscientização dos estudantes em diversas situações”.

Confira matéria abaixo da Rede de Notícias ACAERT - RNA

Fonte: Assessoria de Imprensa ACAERT

Áudio:

Loading the player...

Tempo: 03m24s