ACAERT lamenta o falecimento do radiodifusor EVALDO STOPASSOLI

(01/04) O empresário era proprietário das rádios Araranguá e Transamérica, em Araranguá

A ACAERT lamenta o falecimento do radiodifusor EVALDO STOPASSOLI, ocorrido na madrugada desta quarta-feira (01), no hospital da Unimed, em Criciúma. O empresário, de 73 anos, era proprietário das rádios Araranguá e Transamérica, em Araranguá. Ele havia retornado de uma viagem ao exterior recentemente e estava internado com sintomas do novo coronavírus. A Secretaria de Saúde ainda aguarda o resultado do exame junto ao Laboratório Central de Saúde Pública de Santa Catarina (Lacen) para confirmar o quadro de coronavírus ou descartá-lo.

Evaldo Stopassoli começou a trabalhar aos 12 anos carregando malas no hotel Morro dos Conventos, do Grupo Freitas. Foi sendo promovido até se tornar diretor do grupo. Em 1992, se aposentou e com os recursos comprou as rádios Araranguá e Transamérica. O empresário também atuava no setor imobiliário no sul do estado. Ocupou cargos na diretoria ACAERT como vice-presidente regional adjunto, no período 2003 a 2006, e como membro do conselho consultivo, no período de 2007 a 2010.

A cerimônia de cremação foi restrita à família. Evaldo deixa esposa Zenóbia e os filhos Ricardo e Eduardo. Em nome dos associados, dirigentes e colaboradores da ACAERT, apresentamos nossa solidariedade.

Silvano Silva
Presidente da ACAERT

Fonte: Assessoria de Imprensa ACAERT