Avança acordo pela flexibilização da propaganda partidária em Santa Catarina

(04/08) ACAERT levou o pleito ao TRE/SC e aos principais líderes partidários em busca de um consenso

O presidente da Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão – ACAERT, Marcello Corrêa Petrelli, continua a agenda de reuniões com os principais líderes partidários de Santa Catarina em busca de um consenso sobre o pleito que está no Tribunal Regional Eleitoral - TRE (lembre AQUI) e pede a flexibilização da veiculação da propaganda político-eleitoral nas emissoras de Rádio e TV com base na resolução 23.499 de 30 de novembro de 2016.

Para a ACAERT, partindo do pressuposto que o cidadão tem a liberdade de escolher o que pode assistir ou ouvir no Rádio ou na TV, e de que a programação das emissoras está consolidada – em qualidade e quantidade de programas – para além do horário nobre, seria muito mais eficiente para os partidos veicular as suas inserções políticas em horários ampliados, que não fiquem concentrados apenas em uma determinada faixa, ocasionado, inclusive, a repetição das inserções em um mesmo intervalo comercial, reduzindo assim a eficiência mensagem que pretende ser transmitida.  A ideia é testar esse modelo felxibilizado por um ano, avaliando os resultados após o período. 

Nas últimas reuniões, o presidente da ACAERT se encontrou com Paulinho Bornhausen (PSB), Jorginho Melo (PR), Marcos Vieira (PSDB), Sérgio Mota (PRB) e Esperidião Amin (PP). A agenda parlamentar para tratar desses ajunto já teve encontros com outras lideranças partidárias, relembre AQUI

 

Fonte: ACAERT