Congresso Nacional tem de estar atento às mudanças tecnológicas, diz ministro

(08/12) Kassab participou do Congresso do Futuro que reúne, no Senado, especialistas para discutir democracia, comunicação e progresso em um mundo digital

O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, participou da abertura da primeira edição do Congresso do Futuro no Senado Federal, nesta quinta-feira (8), em Brasília. Com o objetivo de debater temas como democracia, comunicação e progresso em um mundo digital e sustentável, o evento reúne até sexta-feira (9) especialistas e pesquisadores para discutir os desafios do futuro. Kassab afirmou que a iniciativa do Senado contribui para pensar o Brasil em longo prazo. Em sua avaliação, o Congresso Federal deve estar atento às mudanças geradas pela tecnologia para aprimorar as leis do país.

"O Congresso Federal tem condições de interferir e melhorar o planejamento do país com esse debate. Auxiliar em um planejamento no mundo digital e globalizado que envolva investimentos muito expressivos no empreendedorismo, na pesquisa e ciência. Todos os setores da nossa economia serão debatidos aqui no Congresso do Futuro, desde temas vinculados à saúde, educação, segurança, e a nossa legislação precisa ser aperfeiçoada e transformada para que possa integrar esse novo mundo da globalização e da tecnologia", disse.

A chamada Agenda 2030 é um dos focos dos debates com palestras sobre segurança alimentar; políticas públicas para a saúde, educação e ciência e tecnologia do futuro; futuro da comunicação; e democracia representativa no mundo digital. Os participantes receberão certificados reconhecidos pelo Ministério da Educação (MEC).

"Procuraremos, acima de tudo, discutir como contribuir para a melhoria do mundo e, principalmente, das futuras gerações, com temas ligados à influência da tecnologia para o fortalecimento da democracia e todos os instrumentos para que a gente possa construir um mundo mais saudável, onde as pessoas possam usar todos os meios de tecnologia com a característica inerente ao ser humano que é a relação humana", afirmou o presidente da Comissão Senado do Futuro, senador Wellington Fagundes (PR-MT).

O Congresso do Futuro foi inspirado em evento anual realizado pelo Congresso Nacional da República do Chile, por iniciativa da Comissão de Desafios do Futuro, Ciência, Tecnologia e Inovação. Segundo o parlamentar, a iniciativa irá integrar o calendário anual de eventos do Senado Federal.

"Nós entendemos que é fantástica a realização desse evento tendo em vista as modificações que o mundo tem passado. São mudanças que acontecem de maneira muito rápida e, muitas vezes, nos surpreendem, pois nós não temos ainda a capacidade de assimilá-las e de realmente entender para onde estamos indo e quais os caminhos iremos percorrer no futuro", ressaltou o presidente da Confederação Nacional da Indústria, Robson Braga de Andrade.

Fonte: MCTIC