Força do Sul

(17/04) Presidente da ACAERT, Marcello Corrêa Petrelli, publica artigo sobre iniciativa das entidades de Rádio e Televisão do Sul do Brasil que lançam o G-Sul, em Brasília.

 
Numa iniciativa inédita, as entidades representativas das emissoras de Rádio e Televisão do Sul do país se unem para destacar através dos seus associados, Rádios e TVs, os potenciais econômicos, sociais, políticos e culturais da Região. Nesta quarta-feira, em Brasília, a Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão – ACAERT e suas coirmãs, AERP, e AGERT, além dos três Sindicatos das Empresas de Rádio e Televisão da Região (SERT/SC, SERT/PR e Sindirádios) lançam o “GSul”, um movimento que visa integrar os três estados. 
 
Não se deve confundir a iniciativa com uma proposta bairrista ou separatista, pois não é essa a intenção. O “GSul” é um movimento que se propõe, por meio dos meios de Comunicação a provocar a união dos setores público e privado, parlamentares, entidades, instituições, empresas e as áreas social, no sentido de trabalhar as pautas comuns da Região SUL. E os veículos de comunicação têm papel fundamental na formação da opinião sobre as demandas que são inerentes aos três Estados.
 
Queremos, na verdade, enfatizar nossas estatísticas em todas as áreas. A Região Sul, por exemplo, gera quase 17% do PIB nacional. Os três estados do Sul apresentam os melhores índices de empregabilidade, educação e desenvolvimento humano. Comparando, a Região é a uma das maiores economias da América do Sul, a frente até mesmo da maioria dos países do continente. E está no mesmo nível de muitas economias do primeiro mundo.
 
Nossas emissoras associadas devem priorizar a cobertura jornalística para fatos que ressaltem a cadeia produtiva, os avanços sociais, as boas práticas públicas, enfim, o trabalho e cotidiano de catarinenses, paranaenses e gaúchos. O cidadão precisa estar informado sobre as qualidades regionais e como podemos colaborar efetivamente no desenvolvimento de todos.
 
 
Para isso, o “GSul” conta com a força de 921 emissoras de Rádio e Televisão (SC/ 278 – RS/ 333 e PR/ 310). Essa Rede pretende esclarecer a sociedade sobre a importância de enfatizar a defesa da promoção da Região do país. Nessa tarefa, é fundamental também a participação e engajamento das entidades empresarias e representativas. Desta forma, estaremos ajudando o país a crescer, a superar os limites das suas demandas. Juntos, esse sonho é possível. Nossa união, nossa força, por um Brasil melhor.
 
Marcello Corrêa Petrelli
Presidente ACAERT

Fonte: