SP é o grande desafio para fim do sinal analógico

(10/01) Na próxima semana, uma pesquisa com os moradores da capital paulista vai identificar os domicílios que estão preparados para o novo sinal

A maior capital brasileira, São Paulo, com mais de 12 milhões de habitantes, será o principal desafio para o desligamento do sinal analógico de TV no país. Previsto para 29 de março, o fim das transmissões analógicas já tem pedido de adiamento feito pelas empresas de telefonia, mas que ainda não foi decidido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações.

De acordo com portaria do MCTIC, 93% dos domicílios de São Paulo e mais 39 cidades da região metropolitana têm que estar aptos a receber o sinal digital terrestre de TV aberta para que o sinal analógico seja totalmente desligado.

Na próxima semana, uma pesquisa com os moradores da capital paulista vai identificar os domicílios que estão preparados para o novo sinal.

A entrega dos kits gratuitos com conversores digitais e antenas para 1,8 milhão de pessoas beneficiárias dos programas sociais do governo federal também é outro desafio. A EAD (empresa que administra o processo de digitalização no país) considera curto o prazo para distribuição dos kits. No entorno de São Paulo, mais de 700 mil kits devem ser distribuídos. Até agora foram entregues 34%. Na capital paulista, está prevista a distribuição de 1,1 milhão de kits, mas, pela falta dos equipamentos, o processo de retirada ainda não foi iniciado.

Para agendar a retirada do kit, basta acessar o site www.sejadigital.com.br ou ligar para o telefone 147. A ligação é gratuita.

ABERT ajuda na divulgação

A ABERT preparou para as emissoras cinco vídeos com mensagens de alerta à população sobre o fim do sinal analógico de TV no país. O vídeo mais recente mostra a imagem de um televisor fora do ar, com chuvisco e áudio ruim, e explica como a TV aberta deve ficar sem a conversão para o sinal digital.

Os vídeos de 30 segundos podem ser baixados aqui e reproduzidos gratuitamente.

Desde o dia 17 de novembro, a população de Brasília e de nove cidades do entorno do DF recebem apenas o sinal digital.

Para 2017, também está previsto o desligamento nas seguintes cidades: Goiânia (GO), Belo Horizonte (MG), Fortaleza (CE), Juazeiro do Norte (CE), Sobral (CE), Recife (PE) e Salvador (BA).

Fonte: ABERT