NOTA OFICIAL - ACAERT

Entidade lamenta morte de cinegrafista e cobra providências para o combate à violência.

11/02/2014

Nota Oficial

A Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão – ACAERT lamenta o falecimento do cinegrafista da TV Bandeirantes, Santiago Ilídio Andrade, de 49 anos. O profissional teve morte encefálica na manhã desta segunda-feira (10) no Hospital Souza Aguiar, no Rio de Janeiro.

O cinegrafista foi atingido na cabeça por um artefato quando cobria manifestação contra o aumento das passagens de ônibus no Rio, na última quinta-feira, dia 06 de fevereiro.

A ACAERT também repudia todo e qualquer tipo de violência contra a sociedade em geral, especialmente contra profissionais do jornalismo, que arriscam suas vidas para levar a informação isenta aos brasileiros. A entidade defende punição exemplar a todos os responsáveis pelos atos violentos.

É inaceitável a morte de profissionais que estejam em seu pleno exercício da atividade jornalística, fato que não se coaduna com a vida democrática de um povo.

Por fim, a ACAERT e suas emissoras de Rádio e Televisão alertam para a escalada da violência em protestos populares e apelam para autoridades e manifestantes, para que garantam os direitos constitucionais dos cidadãos, entre eles, o direito à vida e o da liberdade de expressão. A democracia é nossa principal garantia de um Brasil melhor e, por isso, precisa ser preservada.

Rubens Olbrisch
Presidente ACAERT

Reporter: Assessoria de Comunicação ACAERT

Últimas notícias