Brasil é um dos países que mais consomem podcast

A pesquisa “Statista Global Consumer Survey” aponta que o Brasil está na frente dos EUA em consumo de podcasts

04/10/2021

Um levantamento realizado pela Statista, através da pesquisa Statista Global Consumer Survey, apontou o quanto os podcasts são populares em diferentes países. E o Brasil apareceu como um dos maiores mercados consumidores desse formato de áudio digital, à frente dos Estados Unidos e do Reino Unido. Segundo a Statista, 40% dos entrevistados brasileiros afirmaram que ouviram pelo menos um podcast nos últimos 12 meses. No levantamento, apenas Suécia e Irlanda apareceram na frente do mercado brasileiro.

Quer receber notícias da ACAERT? Assine a newsletter - Assine aqui e receba por e-mail

Infográfico da Statista com os dados coletados sobre o consumo de podcasts em vários países

O levantamento foi destacado pela Statista em seu perfil oficial nas redes sociais e contou com pesquisas de 1.000 a 5.700 entrevistados por país. Assim como o Brasil, Irlanda e Suécia aparecem acima de 40% dos entrevistados afirmando que ouviram pelo menos um podcast nos últimos 12 meses. Os suecos, donos do maior percentual entre os países pesquisados, contam com 47% dos entrevistados como consumidores desse formato de áudio digital.

Na América Latina, México e Chile também se destacam, com percentuais variando entre 30-39% dos entrevistados afirmando que ouviram podcasts nos últimos doze meses. Argentina, Peru e Colômbia registraram valores entre 20-29%.

Maior produtor de podcasts de acordo com outras pesquisas, plataforma de áudio digital que é muito impulsionada pelas gigantes da indústria de rádio (destaque para a iHeartMedia), 34% dos entrevistados dos Estados Unidos afirmaram que ouviram um podcast nos últimos doze meses. Já o Reino Unido, outro mercado importante para esse formato de áudio, registrou 31% segundo o levantamento da Statista.

Veja também: Podcast: 8 formas de ganhar dinheiro com seu programa

Os podcasts parecem ser menos populares em mercados importantes da Ásia, com base nos dados da Statista. A China conta com 19% de participação de ouvintes de podcast entre os participantes da pesquisa, enquanto o Japão aparece em último lugar no levantamento, atrás de Taiwan, Malásia e Paquistão. Apenas 5% do público japonês entrevistados afirmaram ter ouvido podcasts nos últimos doze meses.

Novamente sobre o resultado brasileiro no levantamento da Statista, o número não surpreende. O país conta com uma variedade considerável de produtores de podcasts, contando também com marcas da mídia de massa impulsionando o formato (como televisões, rádios e jornais). Em julho passado, o tudoradio.com já havia repercutido um levantamento feito pela plataforma Listen Notes, este que já apontava o Brasil como o segundo país no ranking de criação e veiculação de podcasts. Já sobre o idioma presente nessas produções, o português já aparecia em terceiro lugar.

Sobre o Statista Global Consumer Survey, o levantamento contou com entrevistados com idades entre 18 e 64 anos, 1.000 a 5.700 entrevistados por país, entre os meses de fevereiro de 2020 e junho de 2021.

Reporter: Tudorádio.com

Últimas notícias